Sexta, 20 de Maio de 2022
21°

Poucas nuvens

Patos - PB

Política POLÍTICA

Bolsonaro crava a sua menor diferença para Lula em nova pesquisa

Segundo o Paraná Pesquisas, presidente está apenas 4,8 pontos percentuais atrás do petista; no levantamento espontâneo, os dois estão em empate técnico

04/05/2022 às 22h21
Por: Redação
Compartilhe:
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o presidente Jair Bolsonaro. Fotos: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula e Marcelo Camargo/Agência Brasil
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o presidente Jair Bolsonaro. Fotos: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula e Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (PL) conseguiu cravar a menor distância para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT

Continua depois da publicidade
) – 4,8 pontos percentuais — na corrida ao Palácio do Planalto, segundo levantamento feito pelo instituto Paraná Pesquisas entre os dias 28 de abril e 3 de maio e divulgada nesta quarta-feira, 4.

 

De acordo com a pesquisa, Lula tem 40,0% das intenções de voto contra 35,2% de Bolsonaro  — em relação ao levantamento anterior, feito no final de março, o petista manteve o mesmo percentual, enquanto o presidente subiu 2,5 pontos percentuais (tinha 32,7%).

Bolsonaro também cravou a sua melhor marca na série do Paraná Pesquisas iniciada em novembro do ano passado, quando ele tinha 29,2%.

Na pesquisa de intenção de voto espontânea (quando os nomes dos candidatos não são citados), Bolsonaro e Lula estão em empate técnico dentro da margem de erro de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos – o petista tem 27,6% contra 25,2% do presidente.

Na pesquisa estimulada, depois de Lula e Bolsonaro, aparecem Ciro Gomes, do PDT, com 7,4% (ele tinha 5,4% em março); João Doria, do PSDB, com 3,2% (tinha 2,3); André Janones, do Avante, com 2,4% (tinha 1,1%); Simone Tebet, do MDB, com 0,7% (tinha 0,2%); Luciano Bivar, do União Brasil, com 0,2% (foi a primeira pesquisa na qual foi incluído); e Luiz Felipe d’Ávila (Novo), com 0,1% (mesmo percentual de março).

Foi a primeira pesquisa feita pelo instituto sem o ex-juiz Sergio Moro, que em março tinha 7,1%. Entre os entrevistados, 7,2% disseram que irão votar em branco, em nenhum ou anular o voto e 3,5% disseram que não sabem ou não responderam.

A pesquisa foi feita com 2.020 eleitores, por meio de entrevistas pessoais presenciais, em 166 municípios de todos os estados registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o n.º BR 09280/2022.

Por Veja

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias